Sexta-feira, 2 de Setembro de 2005

No mínimo...irónico

Para quem passou um dia inteiro, sem acesso a notícias, como eu passei e passo normalmente, só pode ficar espantado com tanta ironia:



"Tropas poderão ser chamados para ajudar na sua terra natal
Exército norte-americano pondera repatriar militares do Iraque para Nova Orleães
02.09.2005 - 20h28 AFP



O Exército norte-americano poderá mobilizar de novo soldados em missão no Iraque para Nova Orleães, acelerando alguns repatriamento de tropas que se encontram em território iraquiano, para que possam ajudar a restaurar a ordem e aos salvamentos das pessoas afectadas pelo furacão “Katrina”, revelou hoje um responsável militar norte-americano. O Presidente George W. Bush discorda dessa possibilidade.

....

De acordo com o general, em “certos casos” poderão ser “aceleradas as rotações para que os soldados possam participar na ajuda aos seus próximos” no Luisiana, mas sem que haja alterações maciças nessas rotações.

“Não vou alterá-las fundamentalmente. Pretendíamos dar a todos os que foram afectados [pelo furacão], a possibilidade de encontrarem os seus familiares, mas não temos capacidade para o fazer”, explica o responsável.

Num editorial intitulado “Um desastre criado pelo homem”, o jornal norte-americano “New York Times” sublinha hoje que um terço das tropas da Guarda Nacional do Luisiana e uma percentagem ainda mais elevada da mesma ordem do Mississipi encontra-se no Iraque, a sete mil quilómetros da crise humanitária criada pela passagem do “Katrina” no sul dos Estados Unidos, quando o seu principal papel é operar em situações de emergência nos seus estados respectivos.

“A situação poderia ser consideravelmente menos má se o conjunto da Guarda Nacional do Luisiana e do Mississipi tivesse sido mobilizado antes da tempestade, no sentido de organizar, colocar em prática a ajuda e efectuar as evacuações” das zonas abaixo do nível do mar, acrescenta o jornal.

O Presidente Bush veio, entretanto, assegurar que os Estados Unidos têm “todos os recursos” militares para manter a frente de guerra no Iraque e as operações de socorro e de manutenção de ordem no sul dos Estados Unidos.

Questionado sobre os pedidos de repatriação das forças no Iraque para responder às necessidades surgidas após a passagem do furacão, Bush respondeu: “Estou em total desacordo”.
VIDA Sexta, 2 de Setembro de 2005 21:35 h "


E como se não bastasse......







• COMBUSTÍVEIS
Portugal vai emprestar 2% das suas reservas aos EUA
O Governo vai emprestar 2 por cento das suas reservas estratégicas de derivados de petróleo aos Estados Unidos para este fazer face à escassez provocada pelo furacão Katrina, anunciou hoje o Ministério da Economia.


Será que é para ajudar o Bush a estourar combustíveis (vidas e bens) no Iraque???


capt.sge.efg37.020905175109.photo00.photo.default-273x373

Ou será antes para os pretos (não sou racista, atenção), andarem a estourar gasolina em carros (banheiras) que devem gastar imensos litros por cada 100Km???..... enquanto nós cada vez mais aspiramos a um carrinho super-económico, porque os combustíveis estão pela hora da morte (sobretudo em impostos - ouvi dizer que 70% do que pagamos por combustível...é para os cofres do estado).


publicado por Zé às 21:36
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Anónimo a 23 de Setembro de 2005 às 16:00
olá... Parabens pela iniciativa!!! Andava para aqui a "passear" e encontrei o seu blog! Sim Senhor.. Um beijinho muito grande.. vou voltar a estar atenta na aula lol

http://www.fotolog.net/nexitah_murtosa/ (http://www.fotolog.net/nexitah_murtosa/)
Ines
</a>
(mailto:ines_murtosa@hotmail.com)
De Anónimo a 3 de Setembro de 2005 às 05:25
Nao podia deixar de comentar com uma certa dose de ironia a primeira parte do teu post. Ora ai esta o pretexto que Bush e os neo-conservadores precisavam para sairem do Iraque. Abandona-se o Iraque e invade-se New Orleans expulsando de la o que resta dos franceses. Ahahahamador
(http://benfica2100@aol.com)
(mailto:benfica2100@aol.com)

Comentar post